La Vita Felina

Manchas de Lágrimas…….

Gente a Pan me dá muito esse problema desde filhotinha.

Nós temos um arsenal aqui em casa para cuidar de seus olhinhos (sorinho, pomadinhas, colírios…), ela chega ficar com um deles até fechadinho, já levamos nossa bebê várias vezes ao vet “pediatra” mas é anatômico e só o que podemos fazer é cuidar!

Além do soro fisiológico comprei uma solução que se chama limpa lágrima está sendo super útil, pois limpa rapidinho e ela não fica tão incomodada, esse produto é fabricado por diversas marcas e vale muito a pena, tanto para gatinhos quanto para cães que sofrem com o mesmo problema…

Entendendo mais sobre o assunto:

Um problema bastante comum em gatos de algumas raças como persas são as manchas na face causadas pelas lágrimas.
As manchas, de coloração amarronzada, comprometem a estética (parecem “olheiras”) e são um grande problema para os criadores, principalmente aqueles que participam de exposições.

Epífora é o nome dado ao derramamento de lágrimas pela face do animal. Existem várias causas atribuídas a esse problema.

As lágrimas, produzidas pelas glândulas lacrimais, são responsáveis pela lubrificação dos olhos.
A drenagem das lágrimas é feita pelo ducto lacrimal, uma “cânula” responsável por conduzir o excesso de lágrimas dos olhos para o interior do focinho. É fácil compreender isso pois quando você chora, as lágrimas também escorrem pelo seu nariz.

Se a drenagem da lágrima pelo ducto for insuficiente, ela escorrerá pela face do animal. Uma vez em contato com os pêlos, a lágrima sofre a ação de bactérias existentes na pele e pelagem. Esse processo resulta na alteração da coloração dos pêlos que tornam-se avermelhados indo até o marrom escuro.

Em gatos persas, o derramamento das lágrimas está associado à anatomia desses animais.
Apresentando globo ocular bastante saltado, isso compromete a drenagem da lágrima pois, dentre outros fatores, a entrada do ducto da lágrima fica comprida pela posição dos olhos. Assim, a drenagem é insuficiente e a lágrima é derramada para fora do olho.

Outros fatores que podem causar o derramamento de lágrima são: obstrução do canal lacrimal (poeira ou pequenas partículas), deformações na pálpebra (cílios voltados para dentro dos olhos causando irritação), inflamação no ducto da lágrima, conjuntivites, etc..

Mas quando o problema é apenas anatômico, pouco pode ser feito a não ser a limpeza diária dos olhos e da pelagem amarronzada, com a remoção de crostas que podem se formar no local. Sem isso, pode ocorrer inflamação da pele nessas áreas escurecidas.

Existem produtos específicos que podem ser usados para minimizar o escurecimento dos pêlos. Devem ser usados com cuidado para não irritar os olhos.
O uso de antibióticos pode resolver temporariamente o problema, pois altera a composição da lágrima. No entanto, o efeito é apenas passageiro.

Dra. Silvia C. Parisi Médica Veterinária CRMV-SP 5532

2 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *