Vita Zen

Colorir a mais nova febre entre os adultos…

Oi gente! Tudo bem?

Hoje o Post é pra falar sobre um assunto que não é novidade pra ninguém!!!

Os disputados livros de colorir para adultos.

A nova mania já tem grupos nas principais redes sociais com trocas de informações e técnicas para deixar o Hobby ainda mais divertido.

Eu resolvi aderir a brincadeira!  Ando precisando de uma atividade relaxante. E quem não está nos dias de hoje?

Troquei alguns pontos do cartão de crédito pelo livro Floresta Encantada da Johanna Basford.

1

Essa foi minha primeira pintura! Que tal?

O preço do livro é relativamente barato, em torno de R$ 30,00 por aqui. O problema mesmo são os lápis de cor!!!

Além de estarem mais caros que o livro eles esgotaram nas lojas aqui da cidade e nem mesmo na famosa atacadista Kalunga encontro os lápis de 48 cores da Faber 🙁

2

Esses foram os lápis que consegui comprar. O que eu queria mesmo eram os aquareláveis. ( Esses que não consigo achar por aqui).

Ah meus queridos seguidores GATEIROS , olha o que eu achei na Livraria Cultura!!!

Pena que comprando hoje a previsão de entrega é JUNHO (o livro vem dos EUA), será que a minha ansiedade sobrevive até lá?

61rnJb9U13L._SX258_BO1,204,203,200_

Mudando de assunto… Mas ainda sobre os livros!!!

Quando comecei a pintar fiquei um pouco insegura, afinal não sou nenhuma expert em pintura nem mesmo nos tempos de colégio, comprei o livro apenas em busca de diversão.

Mas quando a gente olha na internet as coisas lindas que as amigas estão postando dá vontade de caprichar também e sobre isso que o Júlio Pachalski – Psicólogo Clínico da Wainer Psicologia Cognitiva nos fala.

O lápis de cor parece ter voltado as mãos daqueles que buscam uma atividade relaxante, seja pelo prazer da pintura ou pelo simples alívio do estresse. Quando nos desafiamos a pensar sobre lazer, passamos necessariamente pela forma como encaramos tal atividade.A leitura sempre acompanhou multidões como hábito de lazer, no entanto, os livros que não param nas prateleiras são outros: livros de colorir.

Esta atividade lúdica, muito comum entre as crianças, tem crescido no mundo todo entre os adultos. As figuras são outras, porém o benefício pode ser o mesmo, estimulando os dois hemisférios cerebrais, ativando áreas responsáveis pela motricidade fina e visão, além de contribuir para o raciocínio lógico e criatividade na mistura das cores. A química cerebral contribuirá com doses de endorfina, devolvendo ao indivíduo um bem estar, reduzido na rotina pelo estresse.

Como qualquer atividade desempenhada, temos o poder de transformá-las em prejuízo, portanto temos que ter cuidado para não empenharmos nestas horas uma rigidez maior do que a prática do lazer permite. Muitas vezes somos muito exigentes ou competitivos, influenciados inclusive por comparações sociais, podendo por em “cheque” a função da pintura, relaxar.

Fonte: Donna, Folha

Então já sabem: lápis na mão sem preocupação. Dê o seu melhor mas sem exagerar e divirta-se!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *